Publicado por: sadeckgeo | janeiro 7, 2012

Cadastro Técnico Multifinalitário e a perspectiva 5D

Agora virou moda! Começamos o ano vendo as nossas cidades no fundo… Trágico! Belém não fica atrás! Isso deve-se em boa parte, por falta de gestão e organização delas. Nos últimos tempos tenho dado mais atenção à organização e percebido que ela é fundamental para termos bons resultados tanto na vida profissional quanto na pessoal. É pela importância da temática que gostaria de conversar sobre a “nova visão” da organização geoespacial para as cidades. 

O Cadastro técnico multifinalitário sempre esteve entre nossas discussões com a disponibilização de diversas fontes (livros) para download. Relendo algumas anotações e artigos, visualizei a perspectiva da multidimensionalidade do cadastro territorial. Já se falou em cadastro 3D e a consideração da temporalidade que abre caminhos novos para uma 4ª dimensão, mas recentemente venho vendo pesquisas que estão se preocupando com a multiescalabilidade dos problemas da cidade, chegando a abrir espaço para discussões sobre a 5ª dimensão cadastral.

Tem-se comentado na maioria dos projetos de GEO sobre o uso de multisensores e análises em multiescala, esse tipo de análise exige mais do técnico, tanto para obter quanto para armazenar a informação, mas também dá resultados muito mais precisos e variados. 

As formas de se fazer esse tipo de levantamento são: o mapeamento sistemático dividido por escalas padronizadas ou simplesmente o mapeamento mais detalhado que posteriormente pode ser generalizado de forma automática para representação em escalas pequenas. Logo, os dois métodos tem seus problemas específicos, principalmente para armazenagem, que necessitará de um bom gerenciador de banco de dados. 

Imagine a utilização desse mapeamento para aparelhos móveis e a contra partida também! Só para dar um exemplo, a Google já saiu na frente com esse processo no Google Earth, que tem alguns níveis semânticos de informação sendo processadas conforme você vai aplicando zoom. (+ info

Toda essa perspectiva cadastral associada aos outros estudos feitos sobre o Espaço urbano, como plano diretor, por exemplo, facilitam as atividades de gestão e organização para sanarmos problemas que vem se agravando nas grandes cidades. Só nos resta saber se nossos governantes estão interessados que isso se torne realidade!

Referência:

5D Data Modelling: Full Integration of 2D/3D Space, Time and Scale Dimensions

Links relacionados:

Livro: Cadastro técnico multifinalitário urbano e rural

Livro: Cadastro multifinalitário aplicado a políticas de solo urbano.

Livro: Diretrizes para o CTM

Livro: Mapeamento de Riscos em Encostas e Margens de Rios

Livro sobre Cadastro Multifinalitário MCidades

Anúncios

Responses

  1. Eu realmente acho muito “interessante” (para não dizer outra coisa) essa situação onde mesmo cidades desenvolvidas como São Paulo enfrentam todos os anos a mesma situação. Simplesmente um absurdo.
    Parabéns Sadeck por mais uma vez abordar este tema e obrigado pelo livro para download.
    Um Abraço!

    Curtido por 1 pessoa

    • Opa Anderson,

      Obrigado pelas considerações!
      Com todos esses acontecimentos e com o descaso do governo, fica a impressão que o Brasil não é um país sério… Infelizmente!!!

      Até mais!

      Curtir

  2. O caso é o seguinte, eu e meus amigos queremos dizer q estamos muito tristes por você não dar aula a noite na são joaquim.

    Curtido por 1 pessoa

  3. El contenido del texto hubiera predominado sobre lo estático, o al menos lo hubiera llevado a un segundo plano.

    Curtido por 1 pessoa

  4. Quando abaixo os livros, aparecem com caracteres inelegíveis. Tem como passar direto para o meu email: toni.barbar@hotmail.com. Assunto de interesse: Cadastro Técnico Multifinalitário e SIG.

    Curtido por 1 pessoa

    • Caro Antonio,

      Os Livros estão em outros posts linkados nessa postagem, apenas clique sobre o link em vez de pedir para salvar.

      Um abraço.

      Curtir

  5. Primeiramente, queria parabenizar pelo excelente post. Ainda sou uma “analfa” sobre a temática, mas de uma coisa posso dizer, CTM e o Planejamento Urbano é de fundamental importância na Gestão de uma Cidade. E, por isso que o brasil ainda continuar nesse “buraco” que estamos. espero que agora com o Ministério das Cidades essa temática seja mais difundida e obrigatória para todos o municípios do Brasil. Abraço

    Curtido por 2 pessoas


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: